OZONOTERAPIA

A Ozonoterapia é uma prática terapêutica em que se aplica ozono clínico para tratar um amplo número de patologias. Deste modo, a quantidade de oxigénio na zona afetada aumenta, resultando numa melhor nutrição e oxigenação tecidular e numa renovação dos tecidos em redor.
O ozono clínico é uma mistura de dois elementos: o oxigénio puro (O2) e o ozono (O3). A sua administração deve ser feita por um médico especialista, conhecedor das dosagens certas para cada doença e paciente.
Após uma primeira consulta, o médico especialista define o protocolo a seguir no tratamento. Este depende da patologia, da condição e da resposta do paciente.
As concentrações e modo de aplicação variam em função do problema a tratar, na qual a concentração de Ozono determina o tipo de efeito biológico que produz e o modo de aplicação determina o âmbito de ação no organismo.
São diversas as formas de administração do Ozono médico:

LOCAL:

  • Mediante a aplicação de uma campânula de plástico ou bolsa (bolsoterapia) onde se faz fluir o Ozono em concentração hiperbárica. Este método é utilizado sobretudo em presença de feridas de decúbito e úlceras varicosas.
  • Infiltrações intra-articulares, peri-articulares, intra-discais e intra-foraminais
  • Água e Soro Fisiológico Ozonizado, Óleos e Cremes Ozonizados, Óvulos Ozonizados
  • Dentro de cavidades - Intravesical, intravaginal, ótica, intrafistular


SISTÉMICA:

Pode ser intravenosa (Auto-hemoterápia Maior), Intramuscular (Auto-hemoterápia menor) ou rectal.

  • No primeiro caso o método de utilização de administração realiza-se extraindo sangue venoso (100 a 200 ml) que se trata com Ozono médico para sua posterior reinfusão.
  • No segundo caso, o método de administração realiza-se extraindo cerca de 10 a 20 ml de sangue do paciente e procedendo de forma idêntica ao procedimento anterior, porém, realizando uma injeção intramuscular do sangue tratado.
  • A insuflação Rectal realiza-se aplicando diretamente o gás através da utilização de uma sonda fina, como se tratasse de um enema.
Benefícios


As aplicações potenciais do ozono são numerosas, das quais se destacam a estimulação do sistema imunológico, associado a melhoria significativa da condição física e bem-estar, aumento da longevidade, tratamento da dor crónica, entre outras como por exemplo na Medicina Estética.


Principais efeitos benéficos para o organismo


  • Melhora o metabolismo do oxigénio

Aumenta a capacidade do sangue para absorver e transportar maior quantidade de oxigénio, melhorando as funções circulatórias e celulares em geral

  • Revitalizante

Demonstrou-se a sua capacidade para promover a recuperação funcional de numerosos pacientes afetados por doenças degenerativas

  • Antioxidante - combate os radicais livres em excesso

É o único meio atualmente conhecido capaz de estimular todas as enzimas celulares antioxidantes encarregadas da eliminação de radicais livres, daí ser um dos melhores moduladores do stress oxidativo biológico

  • Imunomodelador

É capaz de estimular as defesas imunológicas em pacientes com imunossupressão ou doenças autoimunes

  • Regenerador

Promove a regeneração dos tecidos, da qual resulta uma grande utilidade na cicatrização de lesões e ulcerações de diversos tipos, na regeneração das articulações e na medicina estética.

  • Potente analgésico e anti-inflamatório

A aplicação local do gás de ozono neutraliza os mediadores da sensação dolorosa

  • Potente bactericida, fungicida e viricida

Inativa e elimina quase todo o tipo de micro-organismos patogénicos, tais como bactérias, fungos e vírus.
Ozonoterapia

Muito utilizada para tratar dor crónica, a Ozonoterapia pode ser utilizada em mais de 200 patologias conhecidas, como por exemplo:

  • Problemas circulatórios arteriais e venosos periféricos, cardíacos e cerebrais
  • Feridas (infetadas ou não), úlceras varicosas; pé diabético; queimaduras
  • Doenças intestinais (colites, proctites, fistulas…)
  • Doenças infeciosas (bacterianas, virais, fúngicas, parasitárias) incluindo pneumonias, infeções pós-cirúrgicas, infeções urinárias de repetição, hepatites…
  • Doenças reumáticas
  • Doenças dermatológicas (eczemas, dermatites, acne, frieiras, psoríase, urticária, herpes, verrugas…)
  • Doenças renais
  • Doenças osteoarticulares (tendinites, lesões articulares, lesões musculares crónicas, hérnia discal)

Pode ser aplicada como terapia coadjuvante em pacientes com cancro, no entanto ressalvamos que os resultados variam de pessoa para pessoa, dependendo de condições de saúde prévias, bem como do cumprimento das orientações do profissional de saúde, nunca sendo o único ou primeira opção de tratamento e sempre em contexto médico multidisciplinar.
Dependendo da patologia a ser tratada, avalia-se qual o melhor protocolo de administração. Muitas doenças do intestino, bexiga, próstata e ovários podem ser tratadas por via retal, com a administração de ozono através de uma pequena sonda. Outras patologias podem ser tratadas através da ozonização direta do próprio sangue do paciente. Algumas patologias articulares são tratadas por administração do ozono dentro da própria articulação ou periarticular. O tratamento depende da particularidade de cada caso, da patologia em si e do seu histórico.
O número de tratamentos e a frequência com que são aplicados, depende da doença e estado do paciente.

Porque a resposta do organismo aos tratamentos é gradual, podem ser necessárias várias sessões para assegurar máxima potenciação terapêutica. O recomendável são múltiplas sessões, podendo em cada caso estender-se de 3 até um máximo de 20; 1, 2 ou 3 vezes por semana.
A Ozonoterapia utiliza ozono clínico, sendo este a conjugação de dois componentes naturais e combinados entre si, o oxigénio puro (O2), fornecido em botijas medicinais e o ozono (O3), produzido por um equipamento gerador de ozono, geralmente na proporção de 95% e 5% respetivamente (as concentrações variam em função de cada caso clínico). Posteriormente é administrado por via intramuscular, intra-articular, rectal, uretral, vaginal, subcutâneo ou intradérmico.

Este pode ser utilizado isoladamente, em sangue do paciente ozonizado, água ozonizada, óleo ozonizado, creme ozonizado entre outros métodos.
A Ozonoterapia é praticamente isenta de efeitos secundários. Não tem interação medicamentosa com fármacos, sejam convencionais e homeopáticos, ou outros tipos de terapias.

Deve, no entanto, atender-se a que o equipamento gerador de ozono clínico deve ser de alta qualidade de forma a gerar as concentrações de ozono corretas em função de cada doença. Além dos equipamentos clínicos especializados, é necessário um perfeito conhecimento das diversas técnicas de aplicação para que se tenha uma noção exata das quantidades e das concentrações de ozono a serem utilizadas para assegurar a máxima eficácia e segurança do tratamento.
Sim. Será uma contraindicação absoluta para os portadores de anemia hemolítica e hipertiroidismo não controlado, assim como grávidas. Existem também cuidados especiais a ter em doentes diabéticos e hipertensos, em que as necessidades terapêuticas podem diminuir após se iniciarem os tratamentos de Ozonoterapia; contudo a vigilância dos valores de pressão arterial ou da glicémia efetuados pelo paciente são suficientes no autocontrolo e depois ajustados pelo médico assistente.
Não! O ozono tem o poder de modulação do sistema imunitário, libertando protetores celulares, aumentando a resistência às doenças. O ozono tem alto poder oxidante. Isto permite o combate ao envelhecimento das células e do organismo. Portanto, qualquer pessoa, em qualquer momento da vida pode usar a Ozonoterapia para melhorar o seu metabolismo, a sua imunidade e consequentemente a resistência às doenças (sendo sempre necessário uma avaliação médica prévia).
Tratamentos de patologias mais comuns

Marcação de Consulta!
Confirmação em 30 minutos.
Pergunte ao Seu Médico!
Receba a sua resposta completamente GRÁTIS.
Equipa NaturCare
O que posso eu fazer para me manter saudável?
Uma alimentação adequada é um dos passos mais importantes para garantir um corpo e mente saudável. Mas comer direito não é comer demais – pelo contrário, é comer pouco e com qualidade. Um plano alimentar saudável depende...
ENVIAR A SUA PERGUNTA »»
Informação Útil
A resposta a todas as suas dúvidas.
Porquê escolher a NatureCare?
A NaturCare disponibiliza uma equipa de especialistas profunda conhecedora das terapêuticas não convencionais, com quadros altamente qualificados e de competência comprovada em diversas áreas.
Apresente-nos as sua dúvidas!
Convidamo-lo apresentar as suas dúvidas através do nosso formulário de contato. As suas solicitações são muito importantes para nós. Prometemos ser breves na resposta!
ENVIE-NOS A SUA MENSAGEM »»
Contatos